COMERCIAL ESTRELA

COMERCIAL ESTRELA

terça-feira, 1 de janeiro de 2019

Jornalistas estrangeiros abandonam posse de Bolsonaro


Grupo reclamou de restrições ao trabalho da imprensa


© Reuters / Adriano Machado

  Quatro jornalistas estrangeiros abandonaram a cobertura da posse do presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Itamaraty, em Brasília, por causa das restrições impostas pelo governo.

  Segundo o jornal "O Globo", os repórteres tomaram a decisão ao descobrir que, para cobrir a recepção a chefes de Estado e de governo no Ministério das Relações Exteriores, prevista para 19h, precisariam aguardar no palácio por sete horas, sem poder circular por suas dependências.

  Ainda de acordo com o diário, o grupo inclui três jornalistas de uma emissora francesa e um repórter chinês. O "Globo" diz que a área de imprensa no Itamaraty fica no subsolo e não possui janelas.

  A cerimônia foi marcada por inúmeras reclamações de jornalistas, que não puderam circular livremente pela Esplanada dos Ministérios, como nas posses anteriores.

  "Um governo que restringe o trabalho da imprensa ignora a obrigação constitucional de ser transparente. Os brasileiros receberão menos informações sobre a posse presidencial por causa das limitações impostas à circulação de jornalistas em Brasília", disse a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji).

Com informações da Ansa.

Um comentário: