RUA LEÔNCIO PIRES DOURADO EM FRENTE O QUARTEL DA PM

sábado, 23 de junho de 2018

Polícia prende mulher acusada de participação no assassinato do companheiro em Imperatriz


  A Polícia Civil do Maranhão, através de atuação da Delegacia de Homicídios de Imperatriz - DHPP/SHPP/IMP, deu cumprimento ao Mandado de Prisão Preventiva em desfavor de Leidimar da Silva, vulgo "Neneca", na tarde desta sexta-feira (22).

  Leidimar já havia sido presa temporariamente em decorrência das investigações acerca da morte violenta de que foi vítima, Nelson Rodrigues dos Santos, no dia 20 de Janeiro se 2018. A vítima foi assassinada mediante golpes de arma branca, quando encontrava-se em sua residência, ingerindo bebidas alcoolicas em companhia de Davi Júlio Barros Almeida, vulgo Davi Júnior e Elivan Francisco Costa de Almeida, vulgo "Livan".

  Neneca era companheira de Nelson e conforme delineado na investigação, aquela mantinha um relacionamento extraconjugal com Livan e, em razão de tais circunstâncias, deu-se o crime. Conforme consta nos autos, o trio de investigados passou toda a tarde daquele dia em companhia da vítima no quintal de sua casa, ingerindo cachaça e, em dado momento, Davi e Livan passaram a atacar a vítima, sob o consentimento de Neneca, onde Nelson veio a óbito ainda no local dos fatos. Davi e Livan evadiram-se do local após o crime, encontrando-se este último foragido.

  Davi encontra-se preso em razão de prisão temporária, tendo sido concedida a conversão de seu ergástulo em prisão preventiva, a qual será cumprida o quanto antes.

  Neneca foi localizada em sua residência, tendo sido conduzida a sede desta Especializada para o cumprimento da prisão e, após, encaminhada à Unidade Prisional de Davinópolis, encontrando-se à disposição da justiça.


Fonte Asmoimp.com


                         Publicidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário