NA BEIRA RIO

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

14° Batalhão prende acusado de ser o mandante da tentativa de homicídio contra vigilante do Verona


  Após investigações de Policiais Militares do 14° Batalhão de Polícia Militar, foi preso por volta das 13h desta segunda-feira (11) Erismar Ferreira Lima Rodrigues, acusado de ser o mandante da tentativa de homicídio que teve como vítima o vigilantes Júnior Cardoso Severino. O crime aconteceu às 5h desta segunda-feira (11) no Residencial Verona, localizado as margens da Avenida Pedro Neiva de Santana.
Júnior Cardoso foi esfaqueado em seu local de trabalho. O acusado do crime foi identificado como Natal Gomes Pires. Segundo informações da vítima, Natal Gomes chegou em um veículo Fiat Strada de cor preta, placa OJC 2301, pertencente a Erismar Ferreira. Tanto o acusado como mandante são motoqueiros vigilantes.

  Junior Cardoso recebeu várias perfurações por arma branca. Ele foi socorrido pela equipe da Unidade de Suporte Avançado do Samu (USA) e foi encaminhado o Hospital Municipal de Imperatriz, tendo sido operado e agora está num leito de UTI.
A prisão de Erismar Ferreira Lima Cardoso foi feita pela Guarnição da Força Tática 03 e aconteceu na rua 07, bairro Parque Alvorada 1. Ele foi apresentado no Plantão Central da 10ª Delegacia Regional de Polícia Civil. 
A polícia não conseguiu prender Natal Gomes e nem apreender o veículo Fiat Strada usado no crime. Informações que chegaram à polícia foi que Natal teria fugido para a cidade de Cidelândia.
De acordo com a polícia militar, a tentativa de homicídio foi por causa de uma disputa de território de vigilância. Tanto Erismar como Natal fazem parte do Grupo de motoqueiros vigilantes que trabalhava no Residencial Verona. A vítima, Júnior Cardoso, estava trabalhando há dois meses no local.

Fonte: Notícias da Foto

Nenhum comentário:

Postar um comentário