RUA LEÔNCIO PIRES DOURADO EM FRENTE O QUARTEL DA PM

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

Policia identifica mãe do recém nascido encontrado morto em sacolas plastica


Mãe do recém nascido tem dois filhos e sempre negou para família que estava gravida

  Um trabalho de investigação do Serviço de Inteligencia da Policia Militar do 14º Batalhão, conseguiu identificar a mãe do recém nascido que foi encontrado morto na manhã de terça feira, dentro de uma sacola plastica numa areá da Ufma do Bom Jesus.

  A mulher suspeita de nome Gicleide Silva de Sousa, 30 anos de idade, é mãe de um casal de filhos, estava residindo no Residencia Teotônio Vilela, ela estava trabalhando na lanchonete da Ufma, após o corpo ser encontrado por dois homens que estavam roçando um matagal na área da Universidade Federal do Maranhão. Gicleide Silva, fugiu com um dos filhos.

  Policias do 14º Batalhão foram até a casa da mãe de Gicleide, Maria Rita da Silva Teixeira, localizada no Bairro Parque Alvorada 2, e conduziu a mesma até o Plantão Central de Policia Civil, para prestar depoimento sobre o paradeiro da filha, vizinhos e familiares contaram que sempre falavam com a acusada sobre a gravidez, mas a mesma sempre negava que estava gravida, tendo inclusive contado que já teria ido ao medico e que teria dito que não era gravidez.

  A mãe da acusada após prestar depoimento ao Delegado Erick, contou que não sabia o paradeira da filha, que a filha sempre negava que estava gravida, após o depoimento ela foi liberada, familiares contarem que sempre desconfiaram da gravidez, no dia anterior do achado cadavérico, uma amiga de serviço teria visto a mãe do recém nascido surja de sangue, a Policia Civil investigando o caso como crime de infanticídio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário