RUA LEONCIO PIRES DOURADO ESQUINA COM A RUA JOÃO PESSOA, BAIRRO BACURI

segunda-feira, 3 de abril de 2017

Dois marginais são mortos e outros quatro são presos suspeitos de assassinato de policial em Palmas-TO


  Duas pessoas suspeitas de envolvimento na morte do subtenente da Polícia Militar, Milton Caetano, morreram na madrugada deste domingo (2), em Palmas. Outros quatro suspeitos foram presos e dois menores apreendidos. As informações são da PM, que informou que as mortes aconteceram durante confrontos dos suspeitos com policiais. Os presos e apreendidos foram encontrados no interior do estado e levados para a capital.

  As buscas começaram ainda na manhã de sábado, depois que o policial foi morto dentro de casa durante um assalto. Participaram da operação a Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal entre outros. O helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) também foi usado nas buscas. O carro do policial, que havia sido roubado, foi encontrado próximo a um lixão em Taquaruçu na tarde do sábado.

  Ainda não foram divulgados os nomes dos suspeitos. A PM confirmou que algumas das pessoas presas teriam ajudado a acobertar os participantes do assalto. De acordo com as informações, o carro usado no crime foi identificado pelo setor de inteligência e levou até uma família que mora em Lagoa do Tocantins, região central do estado. O pai e o filho teriam participado no crime, os dois foram trazidos para Palmas, junto com outras três pessoas da família, que teriam ajudado os dois a se esconder.

  O terceiro participante direto do assanto foi encontrado em uma casa na quadra 405 Sul, de acordo com a PM, houve confronto no local e ele acabou morrendo. Na casa, foram apreendidas duas motocicletas, uma televisão e uma caixa de som.

  O carro que teria sido usado no crime foi encontrado no setor União Sul. O dono do carro também teria entrado em confronto com os policiais. Ele ficou ferido e chegou a ser levado para Unidade de Pronto Atendimento da região norte, mas não resistiu e morreu.

  No final da manhã mais uma pessoa foi presa em Santa Teresa do Tocantins, na região central do estado, mas ainda não foi informado qual a relação desta pessoa com o crime.

  Durante a manhã, um cortejo levou o corpo do subtenete para o Aeroporto de Palmas. A cerimônia começou por volta de 8h30, no Quartel de Comando Geral da Polícia Militar. O subtenente vai ser enterrado em Pernambuco, onde a família mora.

Entenda

  O subtenente da Polícia Militar Milton Caetano, de 32 anos, foi baleado durante um assalto na manhã deste sábado (1º) na quadra 904 Sul, em Palmas. Ele foi atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e levado para o Hospital Geral de Palmas (HGP), mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

  Conforme a PM, o policial estava dentro de casa quando foi abordado por dois criminosos armados. Os homens tentaram roubar o veículo da vítima após o crime. Ele teria reagido ao assalto e por isso acabou baleado. 
(G1)



                              Publicidade
RUA QUINTINO BOCAIUVA ESQUINA COM SÃO VICENTE DE PAULA, FEIRA DO BOM SUCESSO

Nenhum comentário:

Postar um comentário