RUA LEONCIO PIRES DOURADO ESQUINA COM A RUA JOÃO PESSOA, BAIRRO BACURI

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Assalto à joalheria termina com perseguição, tiroteio e invasão de casas em Imperatriz



O assaltante foi preso debaixo da cama após pular vários muros de quintais.


Valben da Silva Araújo, 22 anos, foi preso pela PM após uma série de eventos.
Valben da Silva Araújo, 22 anos, foi preso pela PM após uma série de eventos. - Foto: Divulgação/ WhatsApp

  IMPERATRIZ – O assalto a uma joalheria no setor Mercadinho, na região central de Imperatriz, no fim da tarde desta segunda-feira (13), teve um pouco de tudo: perseguição, tiroteio, invasão de residências e até uma família mantida refém.

  A ação criminosa teve início quando dois homens assaltaram uma joalheria localizada no setor Mercadinho, de onde levaram cerca de 120 gramas de ouro. Na fuga a dupla tentou usar uma motocicleta, que deu problema, e os fez seguir correndo e ser perseguida por um policial militar a paisana.

  Um dos assaltantes conseguiu escapar, mas o segundo homem foi perseguido na carreira pelas ruas centrais e na rua Alagoas, em frente ao Grupo Mirante foram ouvidos dois tiros. Um misto de medo e curiosidade tomou de conta das pessoas que surgiram nas portas das lojas após a passagem do assaltante e do policial, até por que naquele momento, ninguém entendia direito o que estava acontecendo.

  Pressionado com a perseguição o homem invadiu uma casa onde estavam idosos, em seguida voltou para a porta para ver se, ainda, estava sendo seguido.

  Em ato continuou o homem invadiu a casa novamente dos idosos na rua Bahia, no bairro Juçara, onde pulou o muro, e saiu pulando outros muros até chegar ao quintal de uma casa onde estava uma mulher com seus dois filhos, um de 2 anos e outro de 3 anos. Portando uma arma, ele disse que só queria fugir os policiais.

  “Ele disse que era pai de família e tinha quatro filhos”, disse a moradora à TV Mirante , que preferiu não se identificar.

  O aspirante Ernandes, da PM, confirmou a informação, e , ainda, acrescentou que o homem se escondeu debaixo da cama da moradora. Temendo pela sua vida e dos filhos, a mulher não denunciou o fugitivo, mas chorava bastante, o que teria despertado a atenção dos policias que entraram na casa e localizaram o homem debaixo da cama.

  O homem foi preso e apresentado no Plantão Central da Polícia Civil, juntamente com um revólver, munições e um relógio. O suspeito foi identificado como sendo Valben da Silva Araújo, 22 anos. Consta, que, durante a perseguição o homem, ainda, fez três disparos contra o policial à paisana, que saiu ileso.

Fonte: iMirante.com



                           Publicidade
RUA DOM PEDRO ll, ESQUINA COM A RUA 18, PARQUE DO BURITI, IMPERATRIZ - MA

Nenhum comentário:

Postar um comentário