RUA LEONCIO PIRES DOURADO ESQUINA COM A RUA JOÃO PESSOA, BAIRRO BACURI

sexta-feira, 15 de julho de 2016

Advogado tem dedos decepados em Goiânia após receber correspondência e pacote explodir


Vítima está consciente e foi encaminhada para o Hospital de Urgências de Goiânia para passar por exames para cirurgia


Reprodução/ Facebook
Walmir Cunha está consciente e vai passar por cirurgia no HUGO
Atualizada às 18h32
O advogado Walmir Oliveira da Cunha, de 37 anos, ficou gravemente ferido após uma explosão na Rua 15, na tarde desta sexta-feira (15), no setor Marista, em Goiânia. Segundo o Corpo de Bombeiros, ele recebeu uma correspondência no escritório de advocacia e quando abriu o produto explodiu.
  Segundo informações, o advogado teve quatro dedos da mão esquerda decepados. Inicialmente, foi divulgada a informação de que ele teve as duas mãos decepadas devido à violência da explosão. Vizinhos do prédio contaram que ouviram o forte estrondo no fim da tarde na região. A recepção do escritório ficou totalmente destruída após a explosão. 

  O Corpo de Bombeiros foi acionado e a vítima encaminhada para o Hospital de Urgências de Goiás (Hugo). Ainda não há informações sobre a autoria ou a motivação do crime.

  De acordo com a unidade de saúde, o estado da vítima é regular. Ele está consciente e respirando de forma espontânea. Walmir passa por exames e será encaminhado para o Centro Cirúrgico.

OAB

  O presidente da OAB, Lucio Flávio, contou que foi até o local assim que ficou sabendo da explosão. "Vamos aguardar a perícia e investigar se o crime está relacionado ao exercício da profissão, prezando pela integridade física do advogado", disse.

  Flávio também garantiu que o caso será apurado e a Ordem não admitirá nenhuma violação dessa natureza. 




Fonte: Jornal do Tocantins

Nenhum comentário:

Postar um comentário